Eduardo Graça

Comentários e Dicas

Cresce assassinato de
moradores de rua nos EUA

É o que conta Eric Lichtblau, no NYT de hoje: de acordo com a National Coalition for the Homeless, 43 moradores de rua foram assassinados no ano passado e muitos outros sofreram ataques físicos. Em 2008, o número, ainda chocante, foi menor: 27 assassinatos em todo país. O que chama atenção no documento divulgado pela NCH é o requinte de crueldade do ataque aos sem-teto: queimados vivos depois de banhados em gasolina, atacados com garrafas e bastões de bêisebol.

O relatório foi divulgado no momento em que a população de moradores de rua cresce em todo o país por conta da crise econômica. Diz Neil Donovan, diretor-executivo da NCH: “É uma tendência preocupante. Estamos observando um nível de ódio social fatal”.

A imagem principal do texto é forte, com uma menina de 10 anos de idade segurando uma foto ampliada de seu tio, sem-teto e deficiente mental, assassinado nas ruas de Los Angeles no ano passado.

A reportagem pode ser lida aqui. O relatório completo, estarrecedor, aqui.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>